Obama é criticado pela escolha do pastor Rick Warrem na celebração da posse

Grupos defensores dos direitos homossexuais criticaram a escolha do pastor evangélico Rick Warren para celebrar a posse do presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama. As informações são da rede de TV americana CNN.


Warren, um dos mais influente líderes religiosos dos EUA, atua em questões como redução da pobreza mundial, direitos humanos e aids. Porém, o fundador da Igreja de Saddleback se opõe ao casamento entre pessoas do mesmo sexo e ao aborto, o que o coloca em posição oposta à maioria do Partido Democrata, em especial a sua ala mais liberal.

Katryn Kolbert, presidente da organização People For the American Way, se disse "profundamente desiludida" com a escolha de Warren e afirmou que Obama deveria ter optado por alguém com "consistentes valores americanos dominantes".

Linda Douglass, porta-voz de Obama, defendeu a escolha de Warren, dizendo: "Esta será a cerimônia de posse mais abrangente, aberta e acessível da história americana".

Warren apoiou a Proposição 8, votada na Califórnia, medida que proibiu o casamento entre pessoas do mesmo sexo no Estado. Sua aprovação provocou a ira de inúmeros defensores dos direitos gays. 

Redação Terra

Categorias do Technorati , , , ,

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas na semana

Romanos 1,18-32

Levítico 18,22. 20,13

Oito motivos para ter uma chuca portátil

Namoro Gay

Bluetooth para pegação gay