Homossexual é marcado no pulso por sua orientação

Universitário é "marcado" em ataque homofóbico dentro do campus


O estudante Quinn Matney, da Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, teve seu pulso queimado por um objeto metálico em um ataque homofóbico ocorrido dentro do campus.

Quinn contou que caminhava pelo campus quando um homem agarrou seu pulso e o marcou com um objeto metálico quente, gritando palavras homofóbicas.

"Alguém agarrou meu pulso e apertou um pedaço de metal nele. E disse: ´esse é um gostinho do inferno, sua bicha´!". O estudante disse que afastou o agressor com um soco no rosto.

A polícia investiga o crime e já o considera um ataque motivado por homofobia.

Fonte: Cena G

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas na semana

Levítico 18,22. 20,13

Oito motivos para ter uma chuca portátil

Namoro Gay