PF apreende material de divulgação do neonazismo em BH

A Polícia Federal descobriu quatro internautas de Belo Horizonte e Contagem que estariam disseminando mensagens de ódio, preconceito, e apoio ao neonazismo pela rede mundial de computadores. A Operação OPA (ódio e preconceito através da internet) cumpriu nesta sexta-feira quatro mandados de busca e apreensão na casa dos suspeitos.
Nas residências, a PF encontrou, além de quatro HDs com material neonazista, CDs de música, e o livro “Mein Campf” (“Minha Vida”), em que estão contidas as ideias de Adolf Hitler.
Segundo os policiais, os suspeitos, moradores dos bairros Nova Suíssa, Jardim América, São Francisco e Jardim Riacho (Contagem), têm ligação entre si. Um deles seria amigo de Bernardo Dayrell, assassinado em abril, juntamente com a namorada Renata Waeschter Ferreira, na região metropolitana de Curitiba.

Fonte: UAI

Comentários

Postar um comentário

1-Este blog aceita comentários que sejam específicos, ou em diálogo com as postagens correspondentes, conteúdo fora do contexto da mensagem correspondente poderá não ser publicado.

2- São vedados comentários com conteúdo de pregação ou proselitismos de doutrinas específicas de igrejas cristãs, ou qualquer outra religião,salvo quando estes se referirem à crítica de uma postagem principal em concordância ou discordância da mesma, devidamente fundamentados.

3-Conforme art. 5º, IV da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988 é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato.

4-Todo conteúdo dos comentários será avaliado, sendo reservado o direito de não serem publicados, os comentários, caso seus fundamentos sejam ofensivos ou desrespeitem o direito dos homossexuais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas na semana

Levítico 18,22. 20,13

Oito motivos para ter uma chuca portátil

Namoro Gay