Além do pornô

Os porn stars que emplacaram fora dos filmes de sexo explícito!

por Fernando Lima

Especial da revista SEX BOYS mostrando exemplos de rapazes bem preparados para o sexo e para outras carreiras!

Que o sucesso no mundo pornô é passageiro, disso todos já sabemos, mas o que nem todos sabem é que, dos filmes pornôs, nasceram bons profissionais de outros segmentos. Artistas que, além de bons de cama, são bons como cantores, atores, modelos e até DJs! Os rapazes a seguir devem metade de seu sucesso ao mercado pornô - e fizeram bonito ao migrar para outras áreas.

Adeus pornô e bem-vinda, fama!
Simon RexCaso bastante polêmico que vai ser lembrado por anos é o do ator e ex-namorado da socialite Paris Hilton, Simon Rex - que, nos anos 90, gravou cenas de masturbação em quatro filmes pornôs gays: Young, Hard & Solo #2, Young, Hard & Solo #3, Hot Sessions #11 e Hot Sessions #12. A polêmica é que esses filmes apenas vieram à tona no ano de 2001, quando Rex era apresentador da MTV americana, e rumores da época alegam que os filmes foram o principal motivo de Simon ter sido demitido da emissora - mas hoje é possível vê-lo em séries e filmes mainstream, como Todo Mundo em Pânico 3 e a série What I Like About You, que virou sucesso entre os adolescentes americanos entre os anos de 2002 e 2006.

Já o “tiozão” todo bom Colton Ford, que sempre arrebentou nos filmes pornôs como um ator versátil, bonito e brincalhão, em 2007, decidiu abandonar a cena, foi morar com o namorado Blake Harper, também ex-ator pornô, e, logo em seguida, emplacou como cantor e ator de filmes e séries não-pornôs, como a comédia gay Another Gay Sequel: Gays Gone Wild! e o seriado The Lair, que mostra uma casa noturna gay gerenciada por vampiros que atraem rapazes belos para transformá-los em novos chupadores de sangue. Colton faz o papel de um policial - bem gostosão, por sinal.

Na música, a carreira de Colton Ford não é nada recente: ele canta há mais de 25 anos, mas somente após sua passagem pelo sexo explícito, o gato decidiu se dedicar a ela. Vale dizer que ele tem se dado muito bem. Já lançou, inclusive, dois álbuns: Tug Of War, com canções inéditas; e Under The Covers, com regravações de músicas conhecidas de artistas como Britney Spears, Sade, Mariah Carey, Alicia Keys e até do Nirvana.

Colton FordColton estourou nas rádios com a regravação do single Losing My Religion, mais conhecido na voz de Michael Stipe, vocalista do grupo R.E.M., e também teve a honra de ser convidado especial da cantora Cyndi Lauper para participar de sua turnê True Colors, pelos direitos civis da população LGBT.

Para conferir o desempenho do ex-ator pornô como cantor, basta visitar seu perfil no MySpace: www.myspace.com/coltonfordmusic - e, se você ficou curioso em saber, em detalhes, como foi a transição de Colton do pornô para a indústria musical, aconselhamos o documentário Naked Fame, roduzido pelo diretor Christopher Long, que mostra os primeiros passos dele na nova profissão.

Nick GruberOutro gato é o atual modelo e namorado loirinho do estilista Calvin Klein, de 67 anos, Nick Gruber. Pouco tempo atrás, Gruber podia ser visto em sites pornôs,  como o www.nextdoorbuddies.com ou o www.masonwyler.com. Hoje, talvez pela forte influência de seu namorado, ele se tornou um dos modelos mais queridos do meio fashion - provavelmente, provocando inveja nos que estão na carreira de modelo há anos e não conseguiram ainda metade do Nick já alcançou. Quem pode, pode...

Sucesso dentro e fora do pornô
Finalmente, há também os astros da pornografia gay que, mesmo dando uma escapadinha, não pensam em deixar os filmes adultos tão cedo: Pierre Fitch, Brent Corrigan e François Sagat são exemplos disso.

Pierre FitchPierre é um canadense de 29 anos que começou no pornô da Falcon Studios, ao lado de veteranos como Brent Everett e o próprio Brent Corrigan. O lolito agora é DJ especializado em house, tribal e progressive house, e seu sucesso é tamanho que a procura pelo DJ Pierre Fitch disparou - e hoje o ator pode ser mais visto em casas noturnas atrás de pick-ups do que em frente às câmeras. É possível conferir o trabalho do lolito em seu site oficial (www.djpierrefitch.com).

Brent CorriganBrent Corrigan, nome artístico de Sean Paul Lockhart, é americano e tem 24 anos de pura safadeza. Esse garoto já aprontou poucas e boas no mundo do pornô - quem conhece a história dele sabe muito bem do que estamos falando; quem não conhece pode conferir aqui -, mas hoje, além de ator/diretor/produtor pornográfico, Corrigan também é ator das telonas nas horas vagas. Ele participou de algumas produções de temática gay, como Another Gay Sequel: Gays Gone Wild! e Didn’t This Used To Be Fun?. Com os atores Sean Penn e James Franco, ele esteve em Milk - A Voz da Igualdade - e participou de curtas-metragens.

Atualmente, Brent está trabalhando na divulgação do filme Judas Kiss, no qual ele interpreta Chris Wachowsky, um garoto apaixonado por um cineasta. Para saber mais sobre o novo filme, basta acessar o site oficial (www.judaskissmovie.com). Judas Kiss ainda não tem data de estreia no Brasil.

François SagatFrançois Sagat é um machão francês bem experiente que deixa muita gente babando com sua atuação nos filmes pornôs.

De todos os atores citados, é o que mais tem se destacado. Em 2009, Sagat foi convidado a participar de duas produções: primeiro, a sequência de horror Jogos Mortais VI, em que ele faz uma pequena aparição em uma cena que se passa num hospital.

No segundo filme, uma maior participação: o peludão foi convidado pelo diretor canadense Bruce LaBruce a interpretar o personagem principal de L.A. Zombie. Mais recentemente, também foi convidado pelo francês Christophe Honoré a participar de Homme au Bain (Homem no Banho), um curta-metragem produzido na periferia de Paris.

No filme, Sagat é um traficante gay que mantém um relacionamento superconflituoso com seu amante Omar, um cineasta. Todo elogios, Honoré declarou ao site gay francês Yagg.com que escolheu François Sagat porque ele “redefine a noção de masculinidade”.

No último mês de novembro/2010, o gostosão esteve em São Paulo para lançar ambos os filmes no 18º Festival Mix Brasil. Quem viu, viu... Quem não viu ainda pode conferir o moço nas páginas da revista Júnior nº 24.


Publicado em 28/12/2010.

Créditos das imagens:
(1) Reprodução/Divulgação
(2) e (6) Reprodução
(3) Reprodução (www.projectqatlanta.com)
(4) Reprodução (www.facebook.com)
(5) Divulgação (www.thenewbrentcorrigan.com)

Comentários

Postar um comentário

1-Este blog aceita comentários que sejam específicos, ou em diálogo com as postagens correspondentes, conteúdo fora do contexto da mensagem correspondente poderá não ser publicado.

2- São vedados comentários com conteúdo de pregação ou proselitismos de doutrinas específicas de igrejas cristãs, ou qualquer outra religião,salvo quando estes se referirem à crítica de uma postagem principal em concordância ou discordância da mesma, devidamente fundamentados.

3-Conforme art. 5º, IV da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988 é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato.

4-Todo conteúdo dos comentários será avaliado, sendo reservado o direito de não serem publicados, os comentários, caso seus fundamentos sejam ofensivos ou desrespeitem o direito dos homossexuais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas na semana

Levítico 18,22. 20,13

Oito motivos para ter uma chuca portátil

Namoro Gay