PT fará reunião com deputados e prefeitos para discutir questão LGBT



O Partido dos Trabalhadores (PT), ainda usando de sua política do morde e assopra, depois que a presidente (uma vez que essa palavra não se escreve de outra forma, como alguns políticos desejam) usou a questão LGBT para salvar o ministro chefe da Casa Civil, como moeda de troca às questões da BANCADA EVANGÉLICA (e nazista) do parlamento brasileiro, e mesmo assim não conseguiu evitar sua queda, e foi na imprensa falar que não PERMITIRIA O MARKETING, A PROPAGANDA COM A QUESTÃO DA SEXUALIDADE E A OPÇÃO DE CADA UM (demonstrando que a nossa presidente entende de psicologia e questões de gênero igual entende da língua portuguesa!) e, ainda, colocar a senhora Hoffmann (que infelizmente carrega o sobrenome desse blogueiro, mas não é minha parente, Deus me livre disso!) declaradamente contraria às questões LGBT(s) no lugar de Palocci (o ministro que caiu depois dos LGBT(s) serem vendidos), agora, o PT deseja fazer às pazes!

É que as eleições municipais estão aí, e os gays estão desgostosos com a nova presidente (com e é que se escreve!), então agora o partido dela vem aliciar aqueles que foram escorraçados por ela, como se os gays fossem cachorros vira-latas, afinal, voto é voto, e esse não tem opção, embora tenha marketing, propaganda, não é mesmo PRESIDENTE?

O PT da presidente Dilma vai realizar, na Assembléia Legislativa de São Paulo, o “Seminário Estadual de Cidadania LGBT”, para discutir questões da diversidade sexual com prefeitos e deputados do partido.

Os militantes petistas LGBT são os responsáveis por levar o movimento para as ruas e torná-lo combativo. Precisamos agora que estes temas se enraizem e tomem corpo dentro do partido e produzam ações concretas nas Prefeituras e na Alesp”, explica Lula Ramires, coordenador do Setorial Estadual LGBT do PT-SP.

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas na semana

Levítico 18,22. 20,13

Oito motivos para ter uma chuca portátil

Namoro Gay