PASTORA BRASILEIRA É PRESA POR ABUSO SEXUAL


Uma pastora brasileira está em prisão domiciliar na cidade de Milford, a 60 km de Boston, nos Estados Unidos, sob a acusação de abuso sexual presumido a uma garota que frequentava a congregação liderada por ela. Segundo a polícia, Ana Almeida, 31, manteve relações sexuais com a garota por dois anos, desde que a vítima tinha 14 anos. A brasileira nega, conforme informações dos jornais "Boston Globe", "Boston Herald" e "The Milford Daily News".

Almeida, que lidera a igreja Plenitude de Deus, frequentada principalmente por imigrantes brasileiros, disse ser inocente perante um tribunal, na quinta-feira (12), quando ouviu uma acusação de estupro e quatro de comportamento sexual impróprio e investida sexual contra uma adolescente de 14 anos.

Segundo relatos dos jornais americanos, a vitima contou à polícia na quarta-feira que Almeida começou a molestá-la na primavera de 2006. A vítima contou à polícia que 11 ataques teriam acontecido ao longo de 2008.

De acordo como o "Boston Globe", ela foi liberada após pagar uma fiança de US$ 500 (R$ 1.134), mas está impedida de sair de casa até que receba um localizador GPS para ser monitorada pelas autoridades. Quando isso acontecer, novas restrições serão impostas à sua movimentação.

O "Boston Herald" entrou em contato com a brasileira, que negou as acusações. Ela não deu mais detalhes, alegando que seu inglês "não é tão bom", segundo o jornal. A região de Boston é um tradicional reduto de imigrantes brasileiros, a maioria em situação irregular.

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas na semana

Romanos 1,18-32

Levítico 18,22. 20,13

Juiz erra em decisão liminar: clínica psicológica não é laboratório de experiências científicas