terça-feira, agosto 31, 2010

Anglicanismo: coral da diversidade

CORAL GAY ANGLICANO-INCLUSÃO E PARTICIPAÇÃO DOS HOMO-AFETIFOS NA VIDA DA COMUNIDADE

 

Uma inusitada idéia partiu da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, que fica localizada no Centro de São Paulo. A idéia foi criar um coral masculino gay, com o objetivo principal, segundo o maestro Walter Fajardo, incluir os participantes (do coral) na sociedade, através da música, em eventos culturais.

O convite de Walter partiu do reverendo da Igreja, Arthur Cavalcante, que iniciou o grupo.  A novidade  conta com a adesão de 12 homens, porém a idéia é chegar a 40 pessoas, a exemplo de outros corais gays masculinos já organizados em outras cidades como Nova Iorque, Londres ou São Francisco.

sst

A Paróquia Santíssima Trindade, local onde o reverendo Cavalcante atua, já recebeu inclusive uma homenagem do Governador do estado de São Paulo. O prêmio recebido foi o Selo Paulista da Diversidade, que reconhece ações voltadas a grupos discriminados.

Qualquer pessoa pode participar do coral, independente de sua orientação sexual. Os interessados em participar do Coral Masculino Gay de São Paulo devem entrar em contato com a Secretaria da Paróquia da Santíssima Trindade no endereço: Praça Olavo Bilac, 63, Campos Elíseos, São Paulo. Ou ainda pelo telefone: (11) 3667-8161 ou através do e-mail traindade@trindade.org

Um comentário:

  1. Parabéns ao pessoal da Igreja Anglicana por essa iniciativa. Enquanto tantos outros cristãos se arrogam no direito de liquidar qualquer possibilidade de expansão de direitos aos gays, a Igreja Da Trindade em SP faz exatamente o oposto. Parabéns a todos pelo exemplo de respeito, amor e cristianismo.

    ResponderExcluir

1-Este blog aceita comentários que sejam específicos, ou em diálogo com as postagens correspondentes, conteúdo fora do contexto da mensagem correspondente poderá não ser publicado.

2- São vedados comentários com conteúdo de pregação ou proselitismos de doutrinas específicas de igrejas cristãs, ou qualquer outra religião,salvo quando estes se referirem à crítica de uma postagem principal em concordância ou discordância da mesma, devidamente fundamentados.

3-Conforme art. 5º, IV da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988 é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato.

4-Todo conteúdo dos comentários será avaliado, sendo reservado o direito de não serem publicados, os comentários, caso seus fundamentos sejam ofensivos ou desrespeitem o direito dos homossexuais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...